Buscar
  • AxisMed

Gestão de saúde é fundamental para o equilíbrio das contas

A assertividade nos investimentos de saúde a partir da integração de dados pode ajudar a reverter o cenário de saúde que se instalou no Brasil nos últimos anos. Isso se aplica tanto às Operadoras de saúde quanto às empresas e permite que os investimentos em saúde sejam baseados em um diagnóstico. Atuar na causa raiz dos problemas aumenta, e muito, o sucesso das ações e, consequentemente, o resultado financeiro.

O Cenário enfrentado pelas Operadoras de Saúde durante os últimos anos parece estar pouco a pouco melhorando. Pelo terceiro mês seguido, o número de beneficiários de planos de saúde cresceu no Brasil. Segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), em Fevereiro houve um aumento de 54.041 novos planos de saúde, em relação à Janeiro desse ano. Essa alta é justificada pelo crescimento do segmento empresarial, com mais 72.989 vidas. Além dele, o plano coletivo por adesão registrou um pequeno aumento, de 3.046 vínculos.


 “O segmento de planos de saúde está intrinsecamente associado ao desempenho econômico, com a criação formal de vagas de emprego e incremento da renda. Esse resultado é mais um reflexo da recuperação inicial das atividades econômicas”, explica Solange Beatriz Palheiro Mendes, presidente da Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde).


A recuperação econômica do Brasil tem dado seus primeiros sinais e isso é ótimo. Cabe às empresas investirem em ações preventivas em relação à custos desnecessários e desperdícios para acelerar a recuperação. Com a saúde, não é diferente. Muito se fala sobre o quanto o gasto com benefício saúde impacta as organizações. Portanto, investir em modelos de gestão de saúde que permitam a otimização dos investimentos em saúde e reduza os desperdícios é fundamental para o equilíbrio das contas. O mesmo se aplica aos planos de saúde, que precisam gerenciar os custos para enfrentar o impacto da queda no número de beneficiários, sofrida durante os últimos anos.


A análise da utilização dos planos de saúde pelos beneficiários, somada à integração de informações de saúde vindas de canais diversos, permite a estratificação dos riscos e uma visão aprofundada sobre o custo de saúde em cada grupo populacional. Isso se aplica tanto às Operadoras quanto às empresas e permite que os investimentos em saúde sejam baseados em um diagnóstico. Atuar na causa raiz dos problemas aumenta, e muito, a assertividade das ações e consequentemente o resultado financeiro.


Na AxisMed, consultoria estratégica e Business Intelligence são o ponto de partida para um trabalho construído a 4 mãos com os clientes. A implantação de programas de saúde que atendam à real necessidade de cada organização é o passo seguinte. A partir daí, os resultados clínicos e financeiros são acompanhados de perto e discutidos periodicamente, para que a estratégia seja revista constantemente. O retorno financeiro é uma consequência, que vem a consolidar nosso compromisso com a excelência na parceria com nossos clientes.


*Por: Fernanda Rodrigues - Coordenadora de Marketing na Axismed.


Referência:

http://saudebusiness.com/noticias/planos-de-saude-registram-tres-meses-consecutivos-de-crescimento-do-numero-de-beneficiarios/



158 visualizações

AxisMed

Avenida das Nações Unidas, 13.797

Bloco II - 18 andar

São Paulo - SP

Acompanhe nossas redes sociais!

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

AxisMed 2020. Todos os direitos reservados.